Não é  muito conhecido mas um dos sabores e aromas mais apreciados e conhecidos em todo o mundo, a baunilha, provém de uma planta pertencente à família das orquídeas. O Fresubin renal de baunilha vem das prateleiras…o que será mais conhecido.

Estamos a imaginar prateleiras cheias de orquídeas por esses laboratórios ” a fora” … mas antes que o texto fuja para o disparate, vamos falar a sério. E enquanto agarramos o texto, apreciem o Tigas maravilhado com o que, à mesa, não quer comer.

Há outras coisas que nos fogem se não houver alguém que nos mostre outros caminhos e este artigo tem de começar com um agradecimento à nutricionista do CMIN (Centro Materno-Infantil do Norte) e à delegada Daniela da empresa FRESENIUS KABI que foi incansável até nos dar soluções justas. Porque este artigo fala de justiça, de informação perdida no vazio que não chega aos pais de crianças que necessitam deste suplemento nutricional.

O Fresubin renal (espreite aqui  para ver do que estamos a falar) é um suplemento nutricional específico para crianças e adultos com doença renal, hipoproteico (baixo teor de proteínas) e hipercalórico. É, portanto, um suplemento importante na dieta do Tigas porque para além de ser adequado para a insuficiência renal, aumenta-lhe a quantidade de calorias ao longo do dia e ajuda a empurrar o peso para os grandes números. O sabor que existe disponível é o de baunilha, apresenta-se em embalagens individuais de 200ml e é em forma líquida. Pode ser oferecido também por sondas de alimentação, com a devida orientação profissional.

Este suplemento só é fornecido no Centro Hospitalar do Porto às crianças internadas e a famílias comprovadamente carenciadas. Na farmácia, o valor que nos foi apresentado para um pack de quatro garrafas pareceu-nos absurdo: perto de 27 euros. E é aqui que entra a ajuda da Daniela para chegarmos à Associação Portuguesa de Limitados da Voz (APLVOZ).

Mas o que é que a APLVOZ tem a ver com a insuficiência renal e com a nutrição do Tigas?

Muito!

Esta associação (www.aplvoz.pt) é uma instituição particular de solidariedade social e de utilidade pública que complementa a actividade da Liga Portuguesa Contra o Cancro ao nível de apoio a doentes oncológicos privados de laringe (laringectomizados). A sede é no Porto mas existem vários núcleos pelo país:

Almada Hospital Garcia de Orta – Vila Nova de Gaia Hospital Santos Silva – Matosinhos Hospital Pedro Hispano – Madeira Centro Hospitalar do Funchal – Ilha de S. Miguel Hospital de Ponta Delgada – Ilha Terceira Hospital do Santo Espírito – Vila da Feira Hospital de São Sebastião – Coimbra Hospitais da Universidade de Coimbra; Centro Hospitalar Universitário de Coimbra; Instituto Português de Oncologia – Porto Instituto Português de Oncologia; Hospital de São João; Hospital de Santo António – Viseu Hospital de São Teotónio.

Esta associação tem parcerias com diversas empresas que ajudam todas as pessoas a adquirir suplementos nutricionais e outros materiais específicos a preço reduzido. Leram bem: todas as pessoas podem comprar nesta associação (será assim em todas as associações?) alguns suplementos, a baixo custo comparativamente aos valores apresentados nas farmácias da comunidade. O Fresubin Renal é um deles.

Vamos a números: um pack de 4 embalagens na farmácia da comunidade: +/- 27 euros; o mesmo pack na APLVOZ: +/- 8 euros.

Estes valores estão relacionados com comissões/taxas/bla bla bla…e o que gostaríamos com este artigo era dizer aos pais na mesma situação que há um lugar onde podem adquirir o Fresubin de forma mais económica e saber junto dos nossos queridos leitores qual é a vossa realidade, se já conheciam esta facilidade e se há outras Ligas/Associações que vendam com os mesmos critérios. Nem todos os suplementos são comparticipados a 100% (aliás, o Tigas só tem o Fantomalt com comparticipação total) e sim, todos deveriam ser comparticipados na totalidade uma vez que é conhecida a relação entre a insuficiência renal crónica e alterações nutricionais/baixo peso/dificuldade no crescimento nas crianças.

Notas dos papás:

Este artigo não tem como objectivo promover/publicitar marcas e laboratórios mas não nomeá-los é deixar o artigo pela metade.

Apesar de ser um suplemento alimentar, só deve ser consumido por recomendação e vigilância de um profissional de saúde. Nenhuma da informação aqui referida substitui o acompanhamento profissional.

One thought on “Texto com aroma a baunilha”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *